Transgênero de 22 anos mostra transformação ao longo de 2 anos

"Tudo costumava ser cinza. Eu não me sentia viva." Taylor, 22 anos, conta sobre sua vida antes de iniciar a terapia de reposição hormonal em 2018 e sua mudança de gênero masculino para feminino. Desde então, ela registrou seu percurso em várias fotos. Em particular, as comparações diretas entre o antes e o depois, que ilustram de maneira impressionante a transformação.

 
 
 
 
 
Sieh dir diesen Beitrag auf Instagram an
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Ein Beitrag geteilt von Tay 💖 (@tayloraves) am

Quando a norte-americana do Colorado começou a estudar, estava deprimida e sem autoconfiança. Ela estava frustrada consigo mesma. Na época, ela ainda não estava ciente de sua transexualidade e queria compensar sua insegurança tentando se encontrar mais em seu papel como homem.

Taylor deixou a barba crescer e até começou a levantar pesos e se exercitar para parecer mais masculino. Mas quanto mais masculino ela se tornava, mais desconfortável se sentia: "Eu me comportei como uma pessoa real e fiz coisas que pessoas reais fariam, mas tudo parecia tão falso."

 
 
 
 
 
Sieh dir diesen Beitrag auf Instagram an
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Ein Beitrag geteilt von Tay 💖 (@tayloraves) am

Taylor se encontrou durante os estudos e não apenas aceitou sua aparência feminina, mas também admitiu sua transexualidade. Ela deu o passo de mudar a vida e começou a terapia de reposição hormonal.

 
 
 
 
 
Sieh dir diesen Beitrag auf Instagram an
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Ein Beitrag geteilt von Tay 💖 (@tayloraves) am

"A diferença foi surpreendente logo no início. Apenas alguns dias depois de eu ter estrogênio no meu corpo, tudo mudou notavelmente." Por um lado, é claro, fisicamente as mudanças começaram a ocorrer: os seios começaram a crescer e a pele ficou mais macia. Mas a mudança também ocorreu psicologicamente: "Era como se eu pudesse ver as cores pela primeira vez; como se eu tivesse acabado de aprender a sorrir; como se eu nunca tivesse notado todas as belas árvores, flores, grama e pedras ao meu redor antes."

 
 
 
 
 
Sieh dir diesen Beitrag auf Instagram an
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Ein Beitrag geteilt von Tay 💖 (@tayloraves) am

"Senti emoções que nem sabia que existiam", diz Taylor. Ela está feliz por não precisar mais reprimir seus sentimentos - positivos ou negativos.

"Finalmente vejo uma pessoa real no espelho. É como se a máscara que eu usei a vida inteira tivesse caído lentamente. Todos os dias meu reflexo no espelho faz cada vez mais sentido", conta.

 
 
 
 
 
Sieh dir diesen Beitrag auf Instagram an
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Ein Beitrag geteilt von Tay 💖 (@tayloraves) am

Taylor continua documentando seu percurso em seu perfil no Instagram, taylorave. Ela agora está perto de se formar em bioquímica e ficou noiva de Jessica, também transgênero. A cirurgia final para concluir a reatribuição de gênero ainda está pendente. Taylor não tem dúvida de que tomou a decisão certa: “Em resumo, eu diria que me sinto 'real' agora. Sinto-me feliz e estou satisfeita e agradecida por finalmente poder viver como uma pessoa real."

 
 
 
 
 
Sieh dir diesen Beitrag auf Instagram an
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Ein Beitrag geteilt von Tay 💖 (@tayloraves) am

A história de Jaime, que mostra fotos de sua mudança de gênero também é bem interessante. Outra forma de transformação é mostrada por essas 7 pessoas, que perderam 300 kg em apenas um ano. O quanto esporte e dieta podem mudar a vida de alguém, fica comprovado por essas 15 pessoas, que postaram sua transformação.

Imagem de destaque do artigo: © instagram/tayloraves

Fonte:

boredpanda,

Vorschaubild: © instagram/tayloraves

Comentários

Também incrível