Fotos antigas mostram o ideal de beleza persa há 100 anos.

A beleza está nos olhos de quem vê. E os padrões mudaram bastante com o tempo. 

No entanto, é bem difícil considerar belo alguém que hoje em dia estaria bem longe do "ideal". Mas é sempre interessante dar uma olhada em como era a vida antigamente, ainda mais em outros países. 

Tadj es-Saltaneh, por exemplo, jamais seria denominada como uma mulher bonita em nossa sociedade atual. Mas em sua época, ela era considerada a mais atraente de todas. 

Nascida em 1883, filha de Nácer Aldim Xá Cajar, ela cresceu como princesa da dinastia Cajar. Ela era bem versada em literatura persa e europeia, tocava vários instrumentos e, além de uma figura intelectual, era também o desejo de muitos homens.    

Tadj estava à frente de seu tempo e era considerada um "escândalo" para a sociedade tradicional. Ela não só se divorciou do marido depois de um casamento arranjado, como também defendeu uma monarquia constitucional, fez campanha pelos direitos das mulheres e foi membro-fundadora da "Sociedade para a Liberdade das Mulheres" persa.

Em sua casa, era comum acontecer reuniões literárias, com vários escritores e pintores. O famoso poeta e músico iraniano Aref Qazvini estava tão apaixonado por Tadj, que até escreveu um poema para ela.

Tadj não usava apenas roupas persas, como também europeias. Muitas iranianas começaram a copiar seu estilo. 

As fotos dela mostram o quanto as ideias de feminilidade - e também masculinidade - estão sujeitas a mudanças sociais.

Quando publicou suas memórias em 1920 sob o título "As Memórias de Tadj es-Saltaneh", este foi o primeiro trabalho autobiográfico a ser publicado no Irã. Nela, ela calculou muito criticamente com sua juventude na casa real e recebeu não apenas boas críticas, mas também alcançou um grande público de leitura.

Tadj es-Saltaneh faleceu em 25 de janeiro de 1936 depois de uma vida tumultuada. Ela continua a ser um ícone de seu tempo - e um lembrete de que a beleza nem sempre é o que entendemos aqui e agora.

Comentários

Também incrível