Paramédico perde a paciência com bêbados.

A vida de um socorrista não é fácil. Eles são insultados, ameaçados e às vezes até atacados fisicamente por seus próprios pacientes durante suas missões. Essas pessoas fazem seu trabalho para ajudar as pessoas e salvar vidas e, não raramente, esses pacientes são alcoólatras ou viciados em drogas que não relutam em atacar paramédicos.

Um paramédico da Bavária (Alemanha) chegou ao limite e resolveu descrever no Twitter como é difícil praticar essa profissão que ele escolheu para ajudar pessoas: 

Imgur/unknownuser

Em um tweet de 1º de janeiro, o paramédico escreveu: 

"Caros bêbados (e outros) violentos,
aos poucos, eu estou ficando farto de vocês! 

Nós dirigimos pela noite, faça chuva ou faça sol, para ajudar. Não importa quem ou por quê. 
Nós somos aqueles que os cobrimos, independente do quão bêbados e cheio de vômito vocês estão. 

Ele continua: 

"Nós somos aqueles a quem vocês devem suas vidas, quando estão sufocando no seu próprio vômito; ou acidentalmente ou intencionalmente colocaram a quantidade errada das drogas erradas. Nós somos aqueles que cuidam de vocês quando vocês se machucam bêbados ou por se superestimarem. Nós somos aqueles que, por causa de vocês, não estamos cuidando de outros pacientes.

Nós já estamos acostumados a não receber agradecimentos. Nós já sabemos que faz parte da rotina discutir com vocês quando, apesar de inúmeras feridas, vocês se recusarem a se hospitalizar, ou quando desaparecerem da emergência e dos hospitais, mesmo contra indicação médica. 

Mas quando vocês começam a atacar socorristas, isso me tira do sério. Quando um médico, paramédico ou bombeiro teme por sua própria saúde, apenas por tentar ajudá-los, então algo está muito errado. 

Se os motivos estão na brutalização da sociedade ou em outro lugar, eu não sei. De qualquer forma, o clima está se tornando mais desumano e violento de ano para ano - de todos os lados. Às vezes me pergunto por que fazemos esse trabalho.

Felizmente, ainda há experiências positivas suficientes que suprimem as negativas. No entanto, é um desenrolar que nós, como sociedade, não podemos aceitar. Qualquer um pode se engajar: pela coragem civil, pela de-escalada (de conflitos) ou simplesmente por não se comportar como um completo idiota. Ajudem-se e deixem os socorristas fazerem o seu trabalho!

Minha cabeça está quente agora, mas eu tinha que colocar isto pra fora. Pessoalmente, gostaria de agradecer mais uma vez aos colegas policiais, que já literalmente me salvaram mais de uma vez. 

Muito obrigado pelas várias reações positivas! Observação: claro que a maioria dos pacientes é pacífica e cooperativa. Como na vida em geral, há poucos idiotas que estragam a diversão de todos os outros. No entanto, eu amo meu trabalho e não quero fazer outra coisa." 

Pinterest

O socorrista recebeu a aprovação de milhares de pessoas por suas palavras sinceras. Esperamos que seu post alcance o maior número possível de pessoas e leve as pessoas a repensar a sociedade de hoje, para que, no futuro, tenhamos mais pessoas comprometidas em ajudar os outros.

Fonte:

Brigitte

Comentários

Também incrível