Depois de adotar três irmãos biológicos, a família continuou crescendo.

A jornada da carioca Juliana de Souza em busca do sonho de ser mãe foi longa e dolorosa. Ela e o marido Henrique Luiz tentaram ter filhos biológicos por dez anos, mas não conseguiram. O desgaste emocional diante de tantas tentativas frustradas é sempre um grande problema e manter-se positivo não é fácil.

 

Plena☀

A post shared by Juliana De Souza @árvoredeamor (@arvoredeamor) on

Mas o casal não perdeu as esperanças. E foi em uma coincidência aleatória que Juliana recebeu seu primeiro filho, Matheus. Filho de uma conhecida, ele havia sido rejeitado pela mãe. Juliana soube da situação de Mateus e foi vê-lo, mas já tinha em seu coração a certeza de que era seu filho. E foi desta forma que ela e o marido fizeram a primeira adoção.

 

Faz mágica na minha vida e no meu coração❤ Dia do Circooooo

A post shared by Juliana De Souza @árvoredeamor (@arvoredeamor) on

Com a chegada de Matheus, a felicidade do casal se restabeleceu e logo Juliana conseguiu o primeiro milagre: estava grávida de Miguel. Mas o destino ainda reservou tristezas e alegrias para este casal. Miguel nasceu muito prematuro e viveu apenas 28 dias. Juliana estava novamente devastada.

Mas para sua surpresa, ela recebeu a informação de que a mãe biológica de Matheus havia tido mais um filho e, novamente, não queria ficar com a criança. Juliana logo se prontificou a ficar com ele e lhe deu o nome de Kauã. 

A família agora estava maior, mas algo ainda parecia fora de lugar, faltava alguém. E Juliana logo descobriu um terceiro irmão biológico de Matheus e Kauã, abandonado na maternidade. Era Lorenzo, e Juliana foi contatada pela Justiça como candidata prioritária à adoção de seu "terceirinho" por causa do laço consanguíneo dos irmãos. Hesitante, ela foi à maternidade vê-lo, mas já voltou para casa com seu filho nos braços.

A grande família estava agora plena de felicidade. A chegada de Lorenzo coroou uma história de amor materno tão incrível, e é nessa hora que algo mágico acontece. Juliana estava grávida novamente!

Desta vez, quem estava a caminho era Lavínia. E felizmente ela chegou cheia de saúde para alegrar a vida de seus três irmãos mais velhos.

Juliana hoje não se aguenta de tanta felicidade. Os percalços financeiros não são nada se comparados ao amor de seus filhos.

Parabéns ao casal! É maravilhoso ver o amor e a generosidade criando famílias felizes como esta!

 

Comentários

Também incrível