Veterinária salva filhote de leão torturado e forçado a tirar fotos com turistas

Um filhote de leão, com apenas algumas semanas de vida, foi arrancado de sua mãe para servir como fonte de renda para seus "donos". E se isso, por si só, já é uma história terrível, ainda tem mais: os criminosos maltrataram o pequeno assustado todos os dias e até quebraram as patas traseiras dele para atrair turistas que não resistem em tirar uma foto com um animal selvagem para postar nas redes sociais. Uma veterinária russo trouxe à tona esta história cruel e ajudou o filhote de leão a conseguir uma nova vida.

Quando a veterinária Karen Dallakyan viu o filhote pela primeira vez, ficou chocada com os ferimentos que o animal indefeso teve que suportar. Suas pernas foram deliberadamente esmagadas para que o criminosos pudessem ganhar dinheiro com ele nas praias da República Russa do Daguestão. O animal era usado para tirar fotos com turistas e, obviamente, não conseguia fugir, devido aos ferimentos graves.

Ele passou a maior parte de sua vida acorrentado em um celeiro escuro, onde era maltratado e torturado diariamente. Ele só via a luz do sol quando era retirado desse local e colocado no colo de um turista disposto a pagar por uma selfie.

Karen é comprometida a salvar animais selvagens que sofrem maus tratos, pois o pequeno leão, que ela apelidou carinhosamente de "Simba", infelizmente não é um caso isolado. Ele quer descobrir cada vez mais casos em que esses felinos, em particular, são mantidos sob condições miseráveis e explorados com fins lucrativos.

Karen Dallakyan também tratou as inúmeras fraturas de Simba. Mas mesmo que o leão possa agora dar alguns primeiros passos novamente, ele terá que viver até o fim de sua vida com as consequências do abuso severo que sofreu .

Simba está lentamente se recuperando, mas, infelizmente, ser levado de volta à natureza é impensável para ele, devido a suas deficiências. De qualquer jeito, a veterinária conseguiu ao menos dar ao jovem leão uma vida livre de violência e dor.

A exploração de animais selvagens pela cobiça e lucro só terminará quando essas ofertas duvidosas deixarem de atrair interesse. Portanto, mesmo que seja quase irresistível tirar fotos com qualquer animal selvagem durante as férias, não o faça, pois você estará colocando no colo um animal que está diariamente sofrendo maus tratos.

Imagem de destaque do artigo: ©De Huesos Corazón El Cráneo a.c/Facebook

Fonte:

Bored Panda,

Imagem de destaque do artigo: ©De Huesos Corazón El Cráneo a.c/Facebook

Comentários

Também incrível