Assistente social mostra o quanto um carinho faz diferença.

Este é apenas mais um dia de trabalho na vida do assistente social Jason. Sua esposa, Chellie Heckman, compartilhou uma foto sua fazendo uma "hora extra".

Chellie quis mostrar ao mundo como o trabalho de assistência social exige muito da dedicação pessoal de cada envolvido. A vida das crianças em situação vulnerável é muito afetada, seja positiva ou negativamente, por aqueles que cuidam delas enquanto estão sob a tutela do estado. E foi neste momento que Chellie tirou esta foto. Leia seu relato: 

"Meu marido, Jason, é supervisor dos serviços do Departamento de Família e Crianças (DFACS). Ele, entre muitos outros, faz um trabalho pouco reconhecido, porém muito gratificante e, bom, é preciso ser uma pessoa muito especial para lidar com casos desse tipo. Mesmo assim, estes profissionais raramente recebem o reconhecimento devido quando algo incrível acontece. Depois de levar este bebê para a tutela do Estado, em processo de colocá-lo sob cuidados de uma família temporária, meu marido precisou ficar até mais tarde e voltar para pegá-lo depois. Longe da família e sem reconhecer ninguém, o bebê estava agitado, então Jason o confortou e, desnecessário dizer que os dois tiveram um momento muito especial..."

"Em um mundo tão cheio de ódio, raiva, argumentos pró e contra armas, debates ridículos sobre política, há crianças que passam dificuldades dia após dia. E são essas pessoas que zelam pelas crianças negligenciadas, mesmo sendo mal pagos e pouco reconhecidos pelo trabalho incrível e amoroso que fazem. Você nunca ouve ninguém dizer 'oba, lá vem o DFACS'. Eles correm para evitá-los, mentem e não cooperam quando tudo o que eles fazem é tentar ajudar as crianças. Nesta foto há um exemplo pleno do amor e compaixão que esse pessoal dá que passa batido. Enquanto meu marido passava horas ali com este bebê, desde duas horas antes disso, seu foco era ter certeza de que o bebê estava bem cuidado e sentindo-se seguro".

É preciso ter muito respeito por todos os profissionais de assistência social. Eles lidam constantemente com situações muito delicadas e constantemente se veem no meio de uma briga de família. Toda a nossa admiração aos que dedicam suas vidas a trazer segurança a quem não tem.

Comentários

Também incrível