16 estrelas do cinema que morreram durante as filmagens.

imago/ZUMA Globe

A vida nem sempre é justa, especialmente considerando que só temos uma chance. Ainda assim, as mortes destes 16 atores foram inesperadas e aconteceram cedo demais, deixando uma grande marca em Hollywood. Além da trágica perda, esses falecimentos inesperados foram complicados para os produtores e diretores, uma vez que aconteceram durante as filmagens: 

1. Heath Ledger

imago/EntertainmentPictures

Tendo acabado de completar as filmagens de seu papel como o Coringa em "Batman: O Cavaleiro das Trevas", Heath Ledger, de 28 anos, estava agora trabalhando em seu próximo filme. No entanto, sua carreira promissora acabaria em circunstâncias trágicas enquanto filmava "O Mundo Imaginário do Dr. Parnassus". No dia 22 de janeiro de 2008, Ledger foi encontrado morto em seu apartamento em Nova York. Um exame toxicológico mostrou que o ator australiano tinha morrido de uma overdose acidental de remédios prescritos. As filmagens foram inicialmente interrompidas, antes de Johnny Depp, Colin Farrell e Jude Law serem escalados para substituir Ledger em certas cenas. O filme foi dedicado a Ledger e ao produtor William Vince, que também morreu em 2008. 

2. David Carradine

imago/ZUMA Press/GLOBE PHOTOS

A maioria das pessoas conhece David Carradine por seu papel como Bill da série de dois filmes de Quentin Tarantino, "Kill Bill". Em 3 de junho de 2009, um Carradine despido foi encontrado morto em um armário pela camareira de um hotel em Bangkok. O ator estava na Tailândia para gravar o filme francês "Stretch". Uma corda estava amarrada em volta do seu pescoço e genitálias. No entanto, duas autópsias foram inconclusivas e só puderam determinar que Carradine tinha morrido por asfixia. A forma como a corda estava enrolada em volta do pescoço e do corpo sugeriam que tinha sido uma morte acidental causada durante uma autoasfixia erótica (sufocar durante um ato sexual). "Stretch" foi lançado em janeiro de 2011. 

 3. Marilyn Monroe

imago/Granata Images

Em 5 de agosto de 1962, a lenda hollywoodiana, Marilyn Monroe, foi encontrada morta em sua casa em Los Angeles enquanto filmava "Something’s Got to Give". As autópsias revelaram que a ícone de 36 anos tinha morrido devido à overdose de comprimidos para dormir. Ainda é incerto se Monroe teve uma overdose proposital, resultando em várias teorias da conspiração em volta de sua morte. Um documentário chamado "Marilyn Monroe: The Final Days" foi criado usando o material original filmado para "Something’s Got to Give". Com Doris Day escolhida para o papel principal, "Something’s Got to Give" foi completamente regravado em 1963 com um novo título: "Move Over, Darling" ("Eu, Ela e a Outra", no Brasil). 

4. River Phoenix

imago/ZUMA Press

Após sua performance em "Conta Comigo", River Phoenix ganhou os corações de muitos cineastas. Com sua estrela crescendo em Hollywood, o jovem ator mal conseguia dar conta de todos os papéis que eram oferecidos. Mas sua carreira promissora teve um final trágico e abrupto enquanto trabalhava no filme "Dark Blood". Em 31 de outubro de 1993, River teve um colapso nos braços de seu irmão mais novo, Joaquin, em frente à boate "Viper Room", que na época pertencia ao seu bom amigo Johnny Depp. Tendo sofrido uma parada cardíaca, o jovem de 23 anos foi imediatamente levado ao hospital, onde foi declarado morto. Um exame toxicológico mostrou que River tinha heroína, cocaína, valium e THC em sua corrente sanguínea. Esse coquetel de drogas acabou lhe custando a vida.  "Dark Blood", só foi terminado em 2012, 19 anos após sua morte. 

5. John Ritter

imago/ZUMA Globe

Com um sorriso contagiante, John Ritter era provavelmente mais conhecido por suas performances hilárias em "O Pestinha" e "O Pestinha 2". Seu papel final como Paul Henessey na série de TV "8 Simple Rules" o levou a atuar ao lado de Katey Sagal (famosa por atuar como Peggy Bundy em "Married... with Children") e Kaley Cuoco (Penny de "The Big Bang Theory"). Durante as filmagens, Ritter se queixou de dores no peito e foi levado em seguida ao hospital mais próximo. No dia 11 de setembro de 2003, ele morreu, aos 54 anos, após sofrer uma dissecção da aorta (uma doença na qual a camada interna da aorta é despedaçada). Depois de um hiato, "8 Simples Rules" incorporou a morte do personagem na série como um tributo a Ritter. 

6. Philip Seymour Hoffman

imago/ZUMA Press

Depois de estrelar "Missão Impossível 3" e a série "Jogos Vorazes", Philip Seymour Hoffman ganhou nova popularidade com a audiência mais nova que talvez não conhecesse seus trabalhos anteriores. De fato, foi durante as filmagens de "Jogos Vorazes: A Esperança - O Final" que ele faleceu inesperadamente. Assombrado por problemas com drogas na juventude, Hoffman mudou sua vida para a melhor em 1989 e se manteve limpo por 24 anos. No entanto, o ator sofreu uma recaída grave e 2013 e deu entrada em uma clínica de reabilitação. Infelizmente, isso se mostrou ineficaz. Em 2 de fevereiro de 2014, o ator de 46 anos foi encontrado morto em seu apartamento em Nova York. A autópsia revelou um coquetel de heroína, cocaína, anfetamina e benzodiazepina (um remédio para tratar síndrome do pânico) no corpo de Hoffman. Eliminando a possibilidade de suicídio, o promotor determinou que essa foi uma overdose acidental. O último "Jogos Vorazes" finalmente ficou pronto quando as cenas que Hoffman ainda deveria aparecer foram reescritas.

7. Brandon Lee

imago/EntertainmentPictures

Brandon Lee era um ator jovem e promissor que poderia ter um futuro brilhante na indústria. Filho da lenda das artes marciais Bruce Lee, seu papel mais importante foi o de Eric Draven em "O Corvo". Seu falecimento prematuro deixou toda Hollywood chocada e foi uma das histórias mais trágicas dos anos 90. Enquanto gravava uma cena para "O Corvo", o ator Michael Massee atirou em Lee com uma Magnum 44 carregada com festim. A equipe de filmagem ficou inicialmente surpresa ao ver Lee cair para trás e não para frente, como mandava o roteiro. Quando Lee não voltou a se levantar, ficou logo claro que algo tinha dado errado. Uma vez no hospital, foi determinado que uma bala de verdade havia sido disparada. Apesar dos esforços para salvá-lo, o jovem de 28 anos morreu na noite de 31 de março de 1993, devido às feridas. Ainda que tivesse sido um acidente, Massee nunca conseguiu se perdoar por ter atirado, até sua própria morte em 2016. O filme só conseguiu ser terminado com a ajuda do dublê de Lee. 

8. Bruce Lee

imago/United Archives

Depois de uma filmagem difícil para o filme "Operação Dragão", a lenda das artes marciais Bruce Lee desmaiou em frente ao estúdio. No hospital, ele foi diagnosticado com edema cerebral. Ele recebeu medicação para tratar o problema e continuou com sua intensa rotina. Enquanto fazia seu filme "O Jogo da Morte", Lee estava com diversos colegas quando reclamou de uma dor de cabeça e tomou um analgésico. Quando foi encontrado insconsciente mais tarde, Lee foi rapidamente levado ao hospital, mas todos os esforços para revivê-lo foram em vão. A autópsia mostrou que o homem de 32 anos tinha morrido graças a um inchaço no cérebro causado por uma reação alérgica ao analgésico. "O Jogo da Morte" teve que ser reescrito devido à morte de Lee. Imagens dele foram colocadas no lugar das cenas que faltavam.   

9. Cory Monteith

DFree/Shutterstock.com

Cory Monteith é provavelmente mais conhecido por seu papel como Finn Hudson na série musical "Glee". O ator de 31 anos tinha acabado de terminar as filmagens da 4ª temporada e já era esperado para gravar a próxima. No entanto, infelizmente, Monteith nunca mais apareceria na série. Em 13 de julho de 2013, ele foi encontrado morto em seu quarto de hotel em Vancouver. A autópsia mostrou que Monteith continha uma mistura perigosa de álcool e heroína em seu corpo. Antes de falecer, o jovem ator tinha tentado entrar na reabilitação. Infelizmente, isso não funcionou. Sua namorada e colega de "Glee", a atriz Lea Michele (que faz a personagem Rachel Berry) cantou a música "Make You Feel My Love", de Bob Dylan, em um episódio em homenagem a Cory Monteith. 

10. Steve Irwin 

imago/EntertainmentPictures

Steve Irwin alcançou sucesso internacional com sua série de TV "O Caçador de Crocodilos", na qual mostrava como tratar "corretamente" os animais perigosos da Austrália. Quando a série foi cancelada após as críticas de grupos defensores dos animais, o aventureiro voltou sua atenção para a produção de documentários sobre a vida selvagem. O fim trágico de Irwin veio no dia 4 de setembro de 2006, enquanto fazia um desses filmes. Durante uma gravação embaixo d'água para seu mais novo documentário, "Ocean's Deadliest", o homem de 44 anos foi picado no coração por uma arraia, fazendo-o sangrar até morrer. Com as cenas da morte de Irwin obviamente omitidas, "Ocean's Deadliest" foi televisionado nos EUA, Canadá e Grã Bretanha em 2007.

11. Natalie Wood

imago/AD

A maravilhosa Natalie Wood alcançou fama internacional por sua atuação como Maria no musical "West Side Story", de 1961. Wood era casada com o ator Robert Wagner ("Hart to Hart"). Em uma pausa durante as filmagens para o filme "Projeto Brainstorm", Wood, seu marido, e o ator Christopher Walken, saíram em uma viagem de iate para a Ilha de Santa Catalina, perto de Los Angeles. No entanto, a atriz icônica nunca mais retornou. Em 29 de novembro de 1981, o corpo da mulher de 41 anos foi retirado do mar. A autópsia revela que Wood tinha arranhões e feridas em todo o corpo, o que causou muita especulações sobre a causa de sua morte. Wagner e Walken afirmaram que ela deve ter caído sem perceberem. As circunstâncias em torno de sua morte permanecem incertas até hoje. Depois de um hiato de dois anos, as filmagens de "Projeto Brainstorm" finalmente puderam terminar, com a ajuda da dublê de Natalie e de um imitador vocal. 

12. Paul Walker 

Featureflash Photo Agency/Shutterstock.com

O galã Paul Walker era um dos atores mais bem sucedidos da última década. O californiano era provavelmente mais conhecido pelo seu papel como Brian O'Conner na série "Velozes e Furiosos", que co-estrelava com seu bom amigo Vin Diesel. Em 2010, Walker fundou a "Reach Out Worldwide", uma agência de ajuda a vítimas de desastres naturais. Depois de um evento de caridade em 30 de novembro de 2013, Walker estava no banco do passageiro de um Porsche Carrera GT, dirigido por seu amigo Roger Rodas, um piloto de corrida. Correndo a alta velocidade (160 km/h de acordo com o relatório do acidente), Rodas perdeu o controle do veículo, acertando primeiro um poste de luz antes de bater em uma árvore. O carro ficou logo em chamas, com os dois homens presos dentro. Ainda que Rodas estivesse dirigindo acima do limite de velocidade, há especulações que o acidente tenha sido causado por um defeito do carro. "Velozes e Furiosos 7" só pôde ser finalizado com a ajuda do irmão de Paul, que assumiu seu lugar para gravar as últimas cenas.                                                                                                                                                                                                                                                                  

13. Heather O'Rourke

imago/ZUMA Press

Heather O'Rourke começou atuando com 4 anos, sendo escalada como Carol Ann no filme "Poltergeist", de Steven Spielberg. Apesar de ser tão jovem, O'Rourke conseguiu persuadir Spielberg a contratá-la durante uma entrevista com o diretor, conseguindo o papel em cima de Drew Barrymore. Audiências de todo o mundo também ficaram impressionados com a performance da jovem atriz. Sua famosa frase "Eles estão aqui!" se tornou uma alegoria para filmes de terror dos anos 80. No entanto, O'Rourke era assombrada por diversos problemas de saúde. Desde muito nova, ela sofria de estenose intestinal (estreitamento dos intestinos). Depois de O'Rourke reclamar de dores agudas, os médicos erroneamente a diagnosticaram com Doença de Crohn, e começaram a tratá-la com cortisona. Enquanto gravava "Poltergeist 3", sua condição piorou e ela foi levada às pressas para o hospital. Em 1º de fevereiro de 1988, a menina de 12 anos morreu durante a cirurgia para corrigir uma obstrução intestinal previamente indetectada que resultou em um choque séptico. Lançado quatro meses após a morte de O'Rourke, "Poltergeist 3" foi dedicado à menina. As cenas finais tiveram que ser reescritas e uma dublê foi usada. 

14. Aaliyah

imago/United Archives

Após sua estreia em "Romeu Tem Que Morrer" e tendo feito Akasha em "A Rainha dos Condenados", a lendária cantora de R&B Aaliyah recebeu o papel de Zee em "Matrix Reloaded". Ainda que estivesse dedicando mais tempo aos filmes, Aaliyah permanecia focada em sua carreira musical. Em 25 de agosto de 2001, Aaliyah e sete outros membros da equipe estavam a bordo de um jatinho privado em direção a Miami após completar as filmagens de seu último videoclipe, "Rock The Boat", nas Bahamas. Porém, alguns momentos após decolar, o avião caiu algumas centenas de metros depois da pista de voo. A jovem de 22 anos e sua equipe, além do piloto, morreram instantaneamente. A investigação determinou mais tarde que o avião tinha um sobrepeso de cerca de 317,5 kg. Uma autópsia do piloto Luis Morales também mostrou que ele estava pilotando sobre influência de cocaína e álcool. As cenas com Aaliyah em "Matrix Reloaded" foram regravadas com Nona Gaye (filha de Marvin Gaye) no papel de Zee. As poucas cenas em que Aaliyah apareceu podem ser vistas em uma edição especial do DVD do filme. 

15. James Dean

imago/Hollywood Photo Archive

O ator de 24 anos e ciclista James Dean estava no auge quando o destino o atingiu cruelmente. Enquanto "Assim Caminha a Humanidade" estava sendo gravado, o ícone dos anos 50 morreu em um trágico acidente. Dean estava dirigindo na estrada em seu novo Porsche 550 Spyder com seu amigo, o mecânico Rolf Wütherich, ao seu lado. Ainda que já estivesse escurecendo, Dean não tinha os faróis acesos. Quando chegaram a um cruzamento, um Ford Tudor estava virando à esquerda em frente a eles. Dean, incapaz de frear a tempo, bateu na lateral do Ford. Durante o impacto, Wütherich foi jogado para fora do veículo, enquanto Dean permaneceu dentro do Porsche destruído. Ambos foram levados às pressas para o hospital, mas já era tarde demais para Dean. Ainda que "Assim Caminha a Humanidade" já estivesse quase terminado, Nick Adams teve que ser convocado para imitar a voz de Dean nas últimas cenas.  

16. John Candy

imago/United Archives

A maioria das pessoas conhece John Candy das comédias hollywoodianas que ele estrelou durante os anos 70, 80 e 90. Seja "Os Irmãos Caras-de-Pau", "Spaceballs" ou "Jamaica Abaixo de Zero", o ator corpulento era um favorito entre os cineastas da época. Ainda que seus médicos frequentemente o dissessem para perder peso, Candy se recusava, já que sua presença imponente era o que tinha ajudado-o a conseguir novas ofertas de trabalho. No entanto, Candy não estava vivo para ver a estreia de seu último filme "Dois Contra o Oeste" - uma sátira de 1994 dos filmes de Velho-Oeste. Nos últimos dias de filmagem, o homem de 43 anos sofreu um ataque cardíaco e morreu na hora. Os créditos no final do filme têm uma homenagem a Candy. 

Infelizmente, as mortes inesperadas desses atores significou a perda de muitos outros filmes em que poderíamos ver. Ler essa lista é também uma lembrança forte de nossa própria mortalidade. Ainda que essas estrelas não estejam mais conosco, é pelo menos reconfortante saber que suas memórias continuarão a viver através dos seus filmes. 

Comentários

Também incrível