Titanic: 15 coisas que o filme não mostra.

O Titanic é provavelmente o navio mais famoso de todos os tempos - infelizmente, por motivos trágicos. O naufrágio do barco, até então considerado "inafundável", ganhou grande espaço na literatura, no cinema e pesquisas. Praticamente todo mundo já ouviu falar do navio de luxo e seu terrível destino.

O RMS Titanic, o maior barco do mundo na época, saiu de Southampton (Inglaterra) no dia 14 de abril de 1912 a caminho de Nova York (EUA). A primeira curiosidade dessa história é que o Titanic havia acabado de sair do estaleiro e essa seria a sua viagem inaugural. A segunda peculiaridade é que essa deveria ser a última viagem do capitão Edward John Smith, que se aposentaria depois da viagem aos EUA.

Porém, como sabemos, o Titanic nunca chegaria a Nova York, uma vez que se chocaria com um iceberg, que abriria buracos no casco do navio. Cerca de 300 milhas marítimas (aprox. 550 km) da costa de Terra Nova e Labrador, o Titanic começou a encher de água.

A tragédia não pôde ser reparada, uma vez que o dano era muito grande. Assim, o navio afundou em questão de 2 horas e 40 minutos. Dos 2200 passageiros e membros da tripulação, apenas 712 puderam ser resgatados. O acontecimento foi considerado a maior tragédia da história náutica. Ainda hoje, mais de 100 anos depois, ainda há histórias e teorias sobre o naufrágio do Titanic. 

pinhoch

O relato mais conhecido é o filme de 1997, dirigido por James Cameron. Apesar de muito bem feito, o filme não conta todos os detalhes. Aqui estão 15 coisas que você provavelmente não sabia sobre o Titanic: 

1) Trabalhadores infantis

pinpagen

No Titanic, havia crianças e adolescentes trabalhando como carregadores de bagagens dos passageiros. Eles também davam recados e ajudavam no navio de outras formas. O mais velho desses carregadores tinha 14 anos. Nenhum deles sobreviveu ao naufrágio.

2) Os alertas

pineisberg

Antes da partida do grande navio, havia avisos de outros barcos sobre a existência de um iceberg no meio da rota do Titanic. O capitão, porém, não as levou a sério. Na manhã do fatídico dia, a equipe do Titanic ainda recebeu coordenadas concretas de possíveis icebergs. No entanto, o engenheiro do navio, Bruce Ismay, as ignorou. De acordo com testemunhas, ele havia perdido as coordenadas que anotou e colocou nos bolsos. 

3) A mais jovem sobrevivente

Pinterest Pinterest

Elizabeth Gladys "Millvina" Dean só tinha 10 semanas de vida quando entrou no Titanic com seus pais e seu irmão. Os pais tinham vendido a taberna na Inglaterra e queriam tentar a sorte nos EUA. Mãe e crianças foram salvas, mas o pai de Millvina morreu no naufrágio. Ela era a mais jovem e também a última sobrevivente do Titanic, falecendo em 2009 aos 98 anos em um asilo.

4) Uma viagem aos destroços

pinwrack

O destino do Titanic fascina não apenas pesquisadores, mas também civis. Quem quiser ver os destroços ao vivo pode contratar uma empresa privada para fazer uma viagem aos destroços a bordo de um submarino. Por mais ou menos 47.500 euros (aprox. R$ 190 mil), você pode ouvir as palestras de cientistas sobre o assunto e ver o navio embaixo de água. 

5) As crianças

pinkinder

Ainda que a regra de evacuação seja "mulheres e crianças primeiro", nem todas as famílias puderam ser salvas. Das 109 crianças a bordo, apenas a metade sobreviveu. Sendo a maioria delas crianças da 3ª classe, que precisavam andar mais para chegar aos botes salva-vidas e cujos pais receberam as más notícias tarde demais.

6) As passagens

pinticket

Sendo o Titanic um navio de luxo, é possível imaginar que os tickets não fossem dos mais baratos. Passageiros da 1ª classe pagaram aproximadamente 3.489 euros (aprox. R$ 13.500), enquanto os passageiros da 2ª classe desembolsaram cerca de 1.404 euros (aprox. R$ 5600). Em comparação, o preço de 24 euros (aprox. R$ 96) por uma passagem de 3ª classe pode parecer muito pouco, mas ainda assim era um custo bastante elevado para os proletários daquela época.

7) O passageiro mais rico

pinastor

Na 1ª classe viajavam os homens e mulheres da high society britânica e norte-americana. Entre eles, estava também uma das pessoas mais ricas da época: John Jacob Astor IV. O empresário norte-americano e herdeiro da rede de hotéis Waldorf-Astoria embarcou no Titanic com sua esposa grávida depois de algumas noites de lua de mel na Europa. Sua riqueza era estimada em 1,6 bilhão de euros (aprox. R$ 6,4 bilhões). Ele sobreviveu ao incidente, mas sua esposa e seu futuro filho, não.  

8) O significado de RMS

pinschiff

Quando o Titanic foi construído, todos os navios feitos na Grã-Bretanha deveria carregar as letras "RMS" no nome. Essa abreviação significava "Royal Mail Ship" (algo como "Navio Postal Real"). Isso porque, além de transportar passageiros, o navio também levava encomendas e cartas.

9) Os aquecedores

pinkohle

As hélices do Titanic eram movidas a carvão, que era queimado em três fornos. O navio deixou seu porto de origem com mais de 6.000 toneladas de carvão, uma vez que cerca de 600 toneladas eram necessárias por dia para o aquecimento. Os chamados "aquecedores" na sala da caldeira asseguravam que sempre houvesse carvão suficiente nos fornos e que as máquinas estivessem circulando. Apenas alguns aquecedores sobreviveram ao naufrágio do navio, porque as caldeiras foram as primeiras a serem inundadas pelas águas geladas do Atlântico.

10) Os binóculos que faltavam

pinferngläser

Na noite do acidente, o Titanic estava quase em velocidade máxima. Havia duas pessoas na ponte cujo trabalho era vigiar o mar. No entanto, elas não tinham nenhum equipamento, pois, por alguma razão desconhecida, os binóculos estavam trancados em um armário. Como resultado, o iceberg que levou ao desastre só foi avistado 30 segundos antes da colisão. Muitas pessoas pensam que o uso de binóculos teria evitado o desastre.

11) Os botes salva-vidas

pinboote

Durante muito tempo as pessoas culparam a companhia de navegação por não garantir que todas as pessoas pudessem ser salvas com botes salva-vidas. O que quase ninguém sabe é que o Titanic tinha ainda mais botes salva-vidas do que era então prescrito para navios daquele tamanho. No entanto, nem metade das pessoas a bordo puderam ser resgatadas. Muitas vezes os botes salva-vidas não estavam completamente ocupados pelos oficiais.

Para piorar a situação, a maioria dos passageiros teve que ser inicialmente forçada a deixar o Titanic. O navio bem iluminado com a música da orquestra provavelmente parecia mais seguro do que os pequenos barcos sendo baixados para a água fria. Apenas quando os passageiros perceberam que o Titanic realmente afundaria é que eles entraram em pânico. Nesse momento, a maioria dos barcos já estava na água.

12) O naufrágio

pinsinken

Alguns pesquisadores supõem que o naufrágio do Titanic até o fundo do mar tenha sido relativamente rápido. Embora todo o navio estivesse submerso somente após 2 horas e 40 minutos, ele precisou de cerca de 15 minutos para chegar ao fundo do mar, o que corresponde a 3,8 km de profundidade. Logo, ele afundou em uma velocidade de cerca de 15 km/h.

13) A busca pelos destroços

pinwrack

Como o Titanic caiu no meio do oceano e estava no fundo do mar, era muito difícil determinar exatamente onde os destroços seriam encontrados. Foram necessários 73 anos até que, em 1 de setembro de 1985, o arqueólogo marinho Robert Ballard e o engenheiro Jean-Louis Michel descobrissem o local do Titanic, a várias centenas de quilômetros da costa canadense.

14) Os passageiros que faltavam

pinmarconi

Além dos passageiros bem conhecidos que viajaram com o Titanic, também houve convidados que mudaram seus planos de viagem antes da partida e, assim, se salvaram. Por exemplo, Guglielmo Marconi, que havia recebido o Prêmio Nobel de Física em 1909, queria viajar para os EUA com o Titanic. No entanto, como tinha que enviar alguma correspondência importante, ele viajou três dias antes com o RMS Lusitania, já que esse navio tinha uma estenógrafa a bordo.

15) O Titanic II

Este último fato está apenas indiretamente relacionado ao naufrágio do Titanic, mas não é menos excitante. O empresário australiano Clive Palmer planeja construir um segundo Titanic há vários anos. Ele deve ser criado seguindo o modelo do navio original, mas equipado com tecnologia moderna. Logo, as chaminés serviriam apenas para decoração, mas o interior seria inspirado no Titanic original. Trajes históricos devem estar disponíveis para os passageiros, além de Wi-Fi e um cassino. O Titanic II está programado para celebrar a sua viagem inaugural em 2018, e, a partir de 2019, transportar regularmente passageiros.

O RMS Titanic acab0u levando muitas pessoas à morte, estando ainda bastante presente na memória de muitas pessoas até hoje. Após esse desastre, muitas novas medidas de segurança foram adotadas para passageiros e tripulantes no transporte marítimo. Infelizmente, isso não ajudou as vítimas do naufrágio devastador do Titanic. Portanto, é particularmente importante que nos lembremos deles e dessa catástrofe.

Comentários

Também incrível