Jovem perde voo para ajudar passageiro em dificuldade.

Por mais que viajar seja divertido, ninguém gosta das filas intermináveis que temos que enfrentar nos aeroportos. Primeiro tem o check-in, depois a segurança, depois o portão de embarque. Parece que passamos a maior parte do tempo no aeroporto em uma fila.

Foi exatamente por isso que Shaina Murry estava passando no inverno de 2016 nos Estados Unidos, quando ela queria embarcar em um voo para Dallas, no Texas. É por isso que é ainda mais surpreendente que ela tenha escolhido perder o voo e esperar mais. O motivo é inspirador.

Airport

Shaina estava em uma sala de espera perto do portão, entretida com o seu telefone, quando, de repente, ela notou um homem que obviamente não estava se sentindo bem. Ele estava deitado no chão e parecia muito perturbado. As outras pessoas estavam simplesmente o ignorando, mas Shaina pode ver que ele precisava de ajuda, então ela colocou o telefone de lado e foi até ele.

"Estava claro que havia algo errado, eu só não sabia o quê. Depois de fazer algumas perguntas a ele, me pareceu melhor chamar assistência médica", Shaina relembra. 

Shaina começou a falar calmamente com o homem. Ele repetiu várias vezes que não podia perder o voo. Durante a conversa, Shaina descobriu que o nome do homem era Will e que ele era autista. Ao descobrir isso, Shaina soube exatamente o que tinha que fazer. 

AFD Medic 9 Ford E-450 Ambulance

Ela continuou a falar calmamente e perguntou a ele se havia alguém para quem ela pudesse ligar. Will deu a Shaina o telefone de sua mãe e ela a telefonou imediatamente. Ela explicou para a mãe de Will que o filho dela não estava passando bem e perguntou para onde ele estava viajando. Nesse momento os paramédicos chegaram e viram que Will não tinha condições de embarcar.

Ele não havia comido ou bebido nada por muito tempo e precisava desesperadamente se alimentar. Shaina assegurou que cuidaria dele. 

Shaina se ofereceu para levar Will para comer alguma coisa e depois levá-lo até seu portão de embarque para que ele pudesse pegar um voo mais tarde. Os funcionários da companhia aérea ficaram tão impressionados com a boa vontade de Shaina que remarcaram o voo dela sem cobrar nada. Will e Shaina fizeram uma refeição juntos e ele se sentiu bem melhor. Essa foi uma grande chance para eles se conhecerem.

Shaina tem sido elogiada por sua bondade, e com razão, mas para ela essa era simplesmente a coisa certa a ser feita. Quando eles terminaram sua refeição, a moça levou Will até seu portão de embarque e os dois se despediram como amigos. Ela ficou tão feliz por saber que Will estava a salvo em seu trajeto de volta para casa que nem teve tempo de se preocupar por ter perdido o seu próprio voo. O que é um pouco mais de espera quando você pode ajudar alguém que precisa?

É muito bom saber que existem pessoas como Shaina por aí, que estão dispostas a colocar suas necessidades em segundo plano para ajudar os outros. Will e sua mãe também estão muito gratos. Obrigado por fazer deste mundo um lugar melhor, Shaina!!!

Fonte:

Newsner, Facebook

Comentários

Também incrível