Antes e depois: mulher descobre a falsidade da internet.

Existe um lugar neste mundo onde todas as pessoas são felizes, bonitas e perfeitas: se chama Instagram. E isso geralmente tem pouco a ver com a realidade. Este aplicativo popular pode ser um playground maravilhoso em que se pode conhecer lugares distantes, seguir pessoas que o inspiram e formar uma comunidade de pessoas que compartilham algum interesse.

Mas muita gente usa a plataforma para se mostrar: mostrar o seu corpo "perfeito" e seu estilo de vida, é claro, usando muitos truques de fotografia e ferramentas de edição, como o Photoshop. No entanto, a maioria dos usuários não para para analisar essas imagens "perfeitas" e as transforma em um ideal inalcançável, o que lhes causa um sentimento permanente de insatisfação.

Chessie King é uma "instagrammer" britânica que também usa o app para mostrar a verdade: o que está por trás de suas fotos. Ela compara as imagens e revele todos os truques para fazer tudo parecer mais bonito.

"Pele lisa, bundinha de pêssego, quadris estreitos, pernas finas ...". Você pode conseguir tudo isso retocando a imagem por 30 segundos ", diz a garota." É preocupante a facilidade e a rapidez com que você pode mudar seu corpo com alguns desses aplicativos. O Instagram pode ser muito encorajador e inspirador, mas em 95% dos casos ele esconde um 'truque de perfeição', o que é muito pouco saudável.”

"Quando vejo alguns perfis do Instagram, posso ver imediatamente se as pessoas suavizaram a pele, aumentaram os lábios e mudaram o formato do rosto através do processamento de imagens. Na vida real, você provavelmente não as reconheceria! Pare de se comparar a imagens 'perfeitas'. Todas as pessoas são naturalmente bonitas. "

"Eu de biquíni. Eu sei que é normal a barriga dobrar um pouco quando eu me sento à beira da piscina."

"A foto à esquerda com uma luz mais escura e 'lisonjeira', a da direita, por outro lado, mostra como minha bunda realmente é" O Instagram é inundado com fotos como as da esquerda, enquanto a vida real é cheia do segundo tipo de bunda".

"Todos nós fazemos os nossos corpos parecerem melhores com poses, e tudo bem. Mas fotos com esta nos fazem sentir normais." 

É reconfortante ver esta jovem de 24 anos fazendo piada dos posts do Instagram. Mas ela, ao mesmo tempo, passa outro tipo de mensagem importante: o normal não é ser perfeito!

Fonte:

Bored Panda

Comentários

Também incrível